CRESS-MA
INFORMAÇÕES
Finanças
12 de abril de 2016
ASCOM CRESS/MA

2017

 

DEMONSTRATIVOS CONTÁBEIS/FINANCEIROS

Comparativo de Receita Jan a Set-2017

Demonstrativo da Arrecadação por Conta 2017

Comparativo Despesas Liquidadas Jan a Set-2017

BalancoFinanceiro Jan a Set-2017

Balanco Orcamentario Jan a Set-2017

VariacoesPatrimoniais Jan a Set-2017

Balanço Patrimonial Jan a Set-2017

 

 

EMPENHOS

CONSULTA EMPENHOS 2017

 

 

PAGAMENTOS

CONSULTA PAGAMENTOS 2017

 

 

2016

 

RELATÓRIO DE GESTÃO TCU

Relatório de Gestão CRESS MA 2016

 

EMPENHOS

Empenhos 2016

 

PAGAMENTOS

Pagamentos 2016

 

DEMONSTRATIVOS CONTÁBEIS/FINANCEIROS

1 Comparativo Receita 2016

2 Comparativo Despesa liquidada2016

3 BalancoOrcamentario2016

4 BalancoFinanceiro2016

5 VariacoesPatrimoniais

6 BalancoPatrimonialComparado2016

7 Demonstração dos Fluxos de Caixa 2016

8 Notas Explicativas2016

Demonstrativo de Receitas Detalhadas por Conta 2016

Relação de Bens Patrimoniais Adquiridos 2016

Relacao de Agentes Responsaveis 2016

Conciliação Bancária 2016

Regularidade Fiscal 2016

 

 

SUGESTÃO PARA ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS E OUTROS

  • Comparativo de Receita

Evidencia as receitas arrecadadas por rubrica, especificando a previsão inicial, a receita arrecadada no período e o saldo a realizar.

 

  • Comparativo da Despesa Liquidada

Evidencia as despesas realizadas por rubrica, especificando a fixação inicial, a despesa realizada no período e o saldo a realizar.

 

  • Balanço Orçamentário

Evidencia a previsão do Orçamento do Conselho Regional de Serviço Social – CRESS 2.ª REgião/MA, aprovado pelo Conselho Federal de Serviço Social – CFESS, demonstrando as  receitas detalhadas por categoria econômica, origem e espécie, especificando a previsão inicial, a previsão atualizada para o exercício, a receita realizada e o saldo a realizar. Demonstra também as despesas por categoria econômica e grupo de natureza da despesa, discriminando a dotação inicial, a dotação atualizada para o exercício, as despesas empenhadas, as despesas liquidadas, o crédito pago e o saldo da dotação, bem como, o superávit ou déficit orçamentário do período.

O superávit ou déficit orçamentário do período é apurado pelo confronto entre as receitas arrecadadas e as despesas realizadas em um determinado período.

 

  • Balanço Financeiro

Evidencia de um lado os Ingressos correspondentes às receitas orçamentárias e recebimentos extra-orçamentários e do outro lado os Dispêndios correspondentes as despesa orçamentária e pagamentos extra-orçamentários, o resultado financeiro do exercício corresponde à diferença entre o somatório dos ingressos orçamentários com os extra-orçamentários e dos dispêndios orçamentários e extra-orçamentários. Se os ingressos forem maiores que os dispêndios, ocorrerá um superávit; caso contrário, ocorrerá um déficit.

No respectivo balanço financeiro está evidenciado o saldo em espécie do exercício anterior na coluna dos ingressos e o saldo em espécie para o exercício seguinte na coluna dos dispêndios.

 

  • Variações Patrimoniais

As alterações verificadas no patrimônio consistem nas variações quantitativas e qualitativas. As variações quantitativas são decorrentes de transações no setor público que aumentam ou diminuem o patrimônio líquido. Já as variações qualitativas são decorrentes de transações no setor público que alteram a composição dos elementos patrimoniais sem afetar o patrimônio líquido, O resultado patrimonial (superávit ou déficit) do período é apurado pelo confronto entre as variações patrimoniais quantitativas aumentativas e diminutivas.

No setor público o resultado patrimonial é evidenciado pelo superávit ou déficit, equivalente no setor privado ao lucro ou prejuízo líquido que é apurado na Demonstração do Resultado do Exercício.

 

  • Demonstração do Fluxo de Caixa

Evidencia o desempenho financeiro da entidade, comparando os ingressos e desembolsos por tipos de atividades (operações, de investimento e de financiamento), denotando a situação presente, futura e a liquidez.

– Fluxo de caixa das operações compreende os ingressos, inclusive decorrentes de receitas originárias e derivadas, e os desembolsos relacionados com a ação pública e os demais fluxos que não se qualificam como de investimento ou financiamento;

– Fluxo de caixa dos investimentos inclui os recursos relacionados à aquisição e à alienação de ativo não circulante, bem como recebimentos em dinheiro por liquidação de adiantamentos ou amortização de empréstimos concedidos e outras operações da mesma natureza.

– Fluxo de caixa dos financiamentos inclui os recursos relacionados à captação e à amortização de empréstimos e financiamentos.

É elaborada pelo método direto e evidencia também, a geração liquida de caixa e equivalentes de caixa, o saldo e fluxo de caixa do exercício anterior e para o mês/exercício seguinte. 

 

  • No Balanço Patrimonial

Está evidenciada de forma estática, qualitativamente e quantitativamente, a situação patrimonial da entidade, tendo as contas apresentadas:

No Ativo as contas estão registradas em ordem decrescente de grau de conversibilidade as disponibilidades financeiras, créditos a receber com anuidades, o somatório dos bens em estoque adquiridos pelo CRESS/MA com o objetivo de utilização própria no curso normal de suas atividades operacionais e administrativas, os bens patrimoniais (bens móveis) e a respectiva depreciação.

No Passivo as contas estão dispostas em ordem decrescente de grau de exigibilidade, evidenciando as obrigações presentes da entidade, derivadas de eventos passados, constituído de valores a pagar decorrentes de obrigações trabalhistas, de contratação junto a fornecedores pela aquisição de materiais e/ou serviços, originários de empenhos processados e não pagos até o final do exercício.


2015

 

RelatorioGestaoTCU_2015

Comparativo da Receita Arrecadada 2015

Demonstrativo de Receitas Detalhadas por Conta 2015

Comparativo Despesa Liquidada 2015

Demonstrativo de Despesas Detalhadas por Empenho 2015

Balanço Financeiro 2015

Balanço Orçamentário 2015

Balanço Patrimonial e Notas Explicativas 2015

Demonstração dos Fluxos de Caixa 2015

Variacoes Patrimoniais 2015

Conciliação Bancária 122015

Relação de Bens Patrimoniais Adquiridos 2015

Rol de Responsáveis 2015

Regularidade Fiscal 2015

 


2014

Relatorio Gestao CRESSMA 2014

Demonstrativo de Receitas Detalhadas 2014

Demonstrativo de Despesas Detalhadas por Empenho 2014

 


2013

RelatorioGestaoTCU_2013

Demonstrativo de Receitas Detalhadas por Conta 2013

Demonstrativo de Despesas Detalhadas por Empenho 2013

 


2012

CRESS MA Relatorio de Gestão 2012

Demonstrativo de Receitas Detalhadas por Conta 2012

Demonstrativo de Despesas Detalhadas por Empenho 2012

AGENDA CRESS-MA
novembro
D S T Q Q S S
29 30 31  1   2   3   4 
 5   6   7   8   9   10   11 
 12   13   14   15   16   17   18 
 19   20   21   22   23   24   25 
 26   27   28   29   30 
SIGA O CRESS-MA